Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Últimas

Fabricantes de armas se preparam para fabricar no Brasil

Imagem: Antônio More/Gazeta do Povo

Empresas fabricantes de armas de fogo estão otimistas com relação a futuros negócios no Brasil, informa o Valor Econômico.

A razão é o favoritismo de Jair Bolsonaro (PSL) na eleição presidencial de domingo.

Bolsonaro e parlamentares que defendem o armamento falam em simplificar a burocracia para o cidadão ter a posse de uma arma.

Representantes de duas multinacionais de armamento afirmam que a vitória do militar aumentará a demanda por armas no Brasil, abrindo oportunidades para novas fábricas. Hoje, o mercado doméstico é dominado pela empresa brasileira Taurus.

Empresas como a Caracal, dos Emirados Árabes Unidos, e a CZ, da República Tcheca, têm planos para erguer fábricas no Brasil.

“O investimento previsto é de US$ 100 milhões a US$ 130 milhões”, disse Paulo Humberto Barbosa, representante da Caracal no Brasil, que também declarou:

“O PT é desarmamentista. Com Bolsonaro teremos uma satisfação maior de atuar no Brasil porque ele é um defensor do direito de pessoas de bem de terem armas. […] A tendência é que aumente a demanda por armas no Brasil.”

 Já Hugo de Paula, representante da CZ no Brasil, declarou:

“É um cenário promissor. […] Nossa expectativa é positiva. Estamos com planos de vir ao Brasil em breve.”

 

Comentários

Jornal digital comprometido com a cobertura e a análise das principais pautas sobre política nacional e internacional | FALE CONOSCO: contato@conexaopolitica.com.br

Governo

Desembolso anual do governo deve chegar a R$ 90 bilhões

Política

Todos devem cumprir a legislação eleitoral para apto ao pleito deste ano.

Governo

Previsão de investimentos é de R$ 110 bilhões.

Mundo

Primeiras ações estão previstas para o segundo semestre deste ano.