Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Mundo

Hungria aliviará medidas de bloqueio no início de maio

A Hungria aliviará as medidas rigorosas anticoronavírus no início de maio. O primeiro-ministro húngaro, Viktor Orbán, anunciou a flexibilização nesta sexta-feira (24) e disse esperar que a economia de seu país se recupere rapidamente.

“Não estou entre as pessoas otimistas, mas também não sou pessimista. Espero uma recuperação rápida”, disse Orbán à mídia húngara.

“A Hungria seguirá o caminho que a vizinha Áustria também tomou. Escolas e empresas estão reabrindo e restaurantes e bares também têm a perspectiva de reabrir em um futuro próximo”, disse primeiro-ministro húngaro.

Para o relaxamento, foram necessárias medidas no campo da saúde. Equipamentos foram adquiridos e milhares de leitos hospitalares foram liberados para um possível aumento no número de casos de coronavírus chinês quando o país reabrir.

“A partir da próxima semana, não haverá mais cenário negativo para o qual não estamos preparados. Ainda não terminamos tudo, mas nos planejamos para o pior, e agora, poderemos experimentar na vida real. Temos que fazer tudo com inteligência”, afirmou Orbán.

Comentários

Correspondente internacional na Europa.

Política

Menos de dois meses após flexibilização, uso do item em locais fechados volta a ser exigido.

Mundo

Um ano atrás, a entidade considerou a hipótese como "extremamente improvável".

Mundo

Regime comunista ordenou isolamento a mais de 187 mil pessoas no país.

Economia

Aumento está relacionado à expansão do comércio online, diz associação.