Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Últimas

Pesquisas erram sobre Donald Trump novamente

As apurações das eleições presidenciais norte-americanas começaram com “clima” de 2016, com o atual mandatário, Donald Trump, contrariando pesquisas e projeções de analistas.

A primeira grande decepção para Joe Biden foi o populoso estado da Flórida, onde os democratas esperavam ter uma vitória esmagadora.

A revista The Economist, em seu modelo estatístico, indicava 80% de chances de Biden vencer no estado, que conta com 29 votos no colégio eleitoral.

Outros levantamentos apontavam vantagem de pelo menos três pontos percentuais para o candidato do Partido Democrata.

No entanto, desde o começo da contagem dos votos, os indícios já estavam postos à mesa: as previsões não se concretizariam.

Com 96% das urnas apuradas até às 3h50min da madrugada de quarta-feira (4), a Flórida dedicava a Donald Trump 51,3% dos votos, ante 47,8% de Biden.

Independentemente de quem seja declarado o novo presidente dos Estados Unidos, os que previram a decadência do trumpismo novamente estavam errados.

Este é o cenário do momento, de acordo com a apuração da Fox News.

3h50min – 04/11/2020

Reprodução/Fox News

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Política

Ex-presidente destacou a entrada de uma 3ª via.

Mundo

Defesa dos EUA diz que atividade mostra desenvolvimento contínuo do programa nuclear do regime comunista.

Mundo

Ex-presidente americano fez declarações enquanto comentava luta entre Holyfield e Belfort.

Mundo

Naquela manhã de terça-feira, 4 atentados mataram quase 3 mil pessoas no país.