Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Últimas

Tribunal que julgará recurso de Lula absolve menos de 0,63% dos condenados

Imagem:

O STJ (Superior Tribunal de Justiça) divulgou, nesta sexta-feira (2), um estudo que indica que 0,62% das condenações em segunda instância são reformadas pela Corte. Ou seja, a chance de absolvição de réus é de quase um para cada 200 recursos criminais que chegam ao STJ.

“O levantamento demonstra que é bem reduzida a taxa de correção de erros judiciários por meio do recurso especial em matéria penal, ao contrário do que muitos sustentam”, diz a nota do STJ.

Em decisões recentes o STF mudou o entendimento que vinha adotando desde 2009 e decidiu ser possível que o réu comece a cumprir a pena de prisão após ser julgado em segunda instância.

Defensores da prisão após este ponto do processo dizem que essa opção evita a impunidade. O ministro Schietti também afirmou que não há risco de prisão injusta após a condenação em segunda instância.

 

Comentários

FALE COMIGO: raul@conexaopolitica.com.br — diretor de redação do Conexão Política e natural de Recife (PE).

Judiciário

Medida atende pedido do Ministério Público.

Política

Petista voltou a criticar a política pró-armas defendida pelo governo Bolsonaro.

Política

Hashtag ocupou os 'Trending Topics' da rede social no país.

Política

Petista voltou a dizer que foi vítima de uma 'farsa'.