Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Últimas

Viagens ao Chile, EUA e Israel serão as primeiras de Bolsonaro

As primeiras viagens internacionais do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) já estão definidas. Elas serão para o Chile, Estados Unidos e Israel, segundo o deputado federal Onyx Lorenzoni (DEM-RS), que será o ministro da Casa Civil de Bolsonaro. De acordo com ele, Bolsonaro foi convidado nesse domingo, 28, pelo próprio presidente Donald Trump para ir ao país.

O parlamentar confirmou que Trump, durante a ligação para cumprimentar Bolsonaro pela vitória, o convidou para visitar o país. Segundo ele, por “alinhamento ideológico”, haverá uma aproximação.

Ele (Trump) disse que ficou muito feliz, que foi um feito épico pela forma como foi a eleição no Brasil e que ele quer que os dois possam se encontrar, que o destino dois dois países é muito importante.  Vai haver naturalmente, até mesmo pela identidade de certa forma de alinhamento ideológico, uma cooperação“, disse. 

Durante a campanha, Bolsonaro citou, com frequência, Israel como exemplo de desenvolvimento econômico e tecnológico. O presidente eleito prometeu também mudar a embaixada do Brasil de Tel Aviv para Jerusalém.

Já a escolha do Chile, segundo Lorenzoni, foi feita porque este país “é a grande referência latino americana.

Quem deu certo nos últimos 20 anos, aumentou a renda de sua população,  tem boa educação , gera tecnologia e hoje comercializa com o mundo todo? O Chile. Então, tem que ter humildade de ver esse exemplo com atenção”, disse Lorenzoni, nesta segunda-feira (29).

O itinerário escolhido sinaliza a mudança de rota na política externa no Brasil , que durante os governos do PT priorizou a cooperação Sul-Sul, principalmente os países bolivarianos.

Bolsonaro reiterou ao logo da campanha que estabelecerá relações comerciais “sem o viés ideológico” de esquerda. 

 

 

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Mundo

Decisão foi tomada pelo republicano em seu primeiro dia de mandato.

Últimas

Governo Federal também deve liberar crédito extra para duas pastas

Últimas

Bolsonaro respondeu carta divulgada por Antonio Barra Torres

Mundo

Conversações sobre a Ucrânia começam hoje em Genebra