Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Últimas

Viúva de PM morto no RJ chora e lamenta: “Meu marido morreu lutando”

A viúva do cabo da Polícia Militar Derinaldo Cardoso, Suelem Oliveira, desabafou durante o enterro do marido, no sábado (5).

O militar foi morto por um criminoso durante um assalto a um estabelecimento localizado em Mesquita, na Baixada Fluminense, na última sexta-feira (4). O tiro atingiu a região da cabeça enquanto ele tentava impedir a ação criminosa.

O PM trabalhava no 20º Batalhão e chegou a ser levado para o Hospital Geral de Nova Iguaçu (HGNI) em estado gravíssimo e passou por uma cirurgia de emergência.

Internado no Centro de Tratamento Intensivo (CTI) da unidade, não resistiu aos ferimentos.

“Ele não é mais um. Ele é meu marido, é pai de Rachel e de Samuel. Ele não é mais um. Eu queria muito que todos os outros policiais não fossem mais um. Porque eles têm família, têm mãe, têm filhos, têm irmãos. Meu marido morreu lutando, servindo e protegendo a sociedade, e deixou nossa família”, disse Suelem.

Derinaldo Cardoso foi velado e sepultado no cemitério Jardim da Saudade, em Jardim Sulacap, Zona Oeste do Rio de Janeiro/RJ.

A despedida aconteceu sob forte comoção e contou com as honrarias militares.

Comentários

FALE COMIGO: raul@conexaopolitica.com.br — diretor de redação do Conexão Política e natural de Recife (PE).

Últimas

Juíza disse que não houve nenhuma mudança que justifique revogação

Judiciário

Defesa alega falta de tempo para analisar laudos juntados ao processo

Últimas

Início das filmagens estava prevista para 16 de maio.

Judiciário

Adriana Belém está detida no Instituto Penal Oscar Stevenson, em Benfica.

----- CLEVER ADS -----