Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Economia

Globo vende sede em São Paulo e passará a ocupar imóvel alugado

Edifício J. R. Marinho foi comprado por R$ 522 milhões.

Reprodução

A TV Globo fechou a venda de sua sede em São Paulo para uma empresa especializada em investimentos e exploração de imóveis.

De acordo com informações do site TV POP, especializado em notícias do entretenimento, o edifício foi comercializado para a Vinci Partners por R$ 522 milhões, que concedeu espaço ao veículo de comunicação por mais 15 anos.

Apesar disso, a emissora não poderá sublocar o ambiente para terceiros.

O terreno vendido possui de 43 mil metros quadrados. Além do Edifício Jornalista Roberto Marinho, há outros três módulos de produção, com uma área de apoio, incluindo dois helipontos e cerca de 1500 vagas de estacionamento.

O espaço, tido como tradição do eixo global, passou a receber os cenários fixos dos três telejornais locais exibidos diariamente pelo canal — Bom Dia São Paulo, SP1 e SP2 — sendo utilizado também para links ao vivo na GloboNews.

Em nota, o grupo Globo informou que “a empresa vem buscando ampliar a sua eficiência através da captação de novas fontes de receita, da racionalização na gestão de custos e da ampliação da sinergia entre suas operações, gerando valor em tudo o que faz”.

Com isso, os executivos do veículo de comunicação visam reduzir gastos para economizar até 35% no setor de entretenimento.

Comentários

FALE COMIGO: raul@conexaopolitica.com.br — diretor de redação do Conexão Política e natural de Recife (PE).

Últimas

Emissora ainda tentou recorrer, mas não obteve êxito.

Últimas

Âncora decidiu deixar o dia a dia da vida de repórter.

Política

Emissora do ‘plim plim’ vem perdendo espaço em dias de eventos esportivos.

Política

Para o Procon, houve descumprimento do dever de informação e transparência.