Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Economia

Netflix demite 150 funcionários após queda de assinantes

Cortes representam cerca de 2% da força de trabalho da empresa nos EUA.

Nadjib BR | Unsplash

Conforme noticiado por este jornal digital, a Netflix perdeu assinantes pela primeira vez em mais de uma década. A gigante do streaming revelou uma queda de 200 mil clientes no mês de abril, mas justificou a perda com o cenário de guerra no leste da Europa e a competição de mercado.

Na última terça-feira (17), no entanto, mais um anúncio foi feito pela companhia. Desta vez, a Netflix confirmou a demissão de 150 funcionários, número que representa 2% da força de trabalho da empresa nos Estados Unidos.

Segundo o serviço de streaming, a maioria dos cortes ocorreu em solo americano, sem esclarecer quais outros países foram impactados. Não foi informado se houve baixa de colaboradores no Brasil.

Com a debandada, vários setores foram atingidos, como a divisão de criação de séries e filmes. De acordo com as informações da imprensa dos EUA, as demissões envolveram desde assistentes até diretores importantes dentro da plataforma.

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Mundo

Corte suspendeu uma decisão de 1973 que considerava a interrupção da gravidez como direito.

Mundo

'Estou bem', disse o presidente logo após o pequeno acidente.

Saúde

Especialistas dos órgãos FDA e CDC foram favoráveis; Moderna e Pfizer serão utilizadas.

Mundo

Taxa acelerou em maio para 8,6% em um ano e preços de combustíveis influenciaram resultado.