Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Governo

Paulo Guedes afirma que reeleição foi maior erro político do País

Ministro expressou preocupação com o cenário político.

Edu Andrade | Min. da Economia

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou, em entrevista à Jovem Pan, que existe um forte ‘clima eleitoral’ no Brasil afetando a agenda econômica do país.

Para ele, uma série de condutas contribui para que o componente político seja determinante na diminuição do vetor liberal do governo. Na visão do ministro, a reeleição foi “o maior erro político que já aconteceu no País”.

“Fica uma fixação de reeleição o tempo inteiro”, disse Guedes, manifestando reprovação em torno da continuidade de mais mandatos.

“Quando foi criada a emenda de reeleição, no primeiro ano, todo mundo fala: podemos fazer alguma coisa. No segundo ano, agora tem eleições municipais. No terceiro ano: ah, mas você tem de fazer tudo agora, porque o quarto ano já é o ano de eleição e não dá tempo. Aí o quarto ano, bom esse ano é de eleição. Então, fica quase que uma fixação de reeleição o tempo inteiro”, explicou o ministro do governo de Jair Bolsonaro.

Ainda durante a entrevista, Guedes explicou o motivo de o chefe do Executivo ter feito ‘menos’ em relação ao que ele solicita sobre os setores econômicos.

“O presidente diz que fazia 99% do que eu pedia e agora faz 98%. Eu digo ao presidente que ele está fazendo 60% do que eu peço, e é natural, é da política. Eu não entendo de política, sou economista tentando fazer o melhor possível”, acrescentou ele, destacando que certos movimentos são naturais da política.

Comentários

FALE COMIGO: raul@conexaopolitica.com.br — diretor de redação do Conexão Política e natural de Recife (PE).

Política

Declaração ocorreu neste domingo, 24, em Brasília.

Judiciário

Ações foram ajuizadas pelo senador Randolfe Rodrigues e pela Associação Brasileira de Economistas pela Democracia.

Política

Leo Dias diz ter tido acesso a trecho de contrato publicado por produtora de conteúdo.

Política

Com mais de 20 mil seguidores, jovem vai na contramão de outros estudantes da Federal.