Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Judiciário

Justiça bloqueia contas bancárias do narrador Galvão Bueno

O caso envolve uma dívida milionária do apresentador com um fundo de investimento.

Duda Bairros | Vicar

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) bloqueou as contas bancárias do narrador e apresentador Galvão Bueno. A informação é do jornal O Dia.

A esposa dele, Desirée Soares Galvão Bueno, e a filha, Letícia Galvão Bueno, também tiveram bloqueios determinados pela Justiça.

A decisão foi exarada pelo juiz Rodrigo Galvão Medina, da 9ª Vara Cível da capital paulista, após o não pagamento de duas parcelas junto ao fundo de investimento Lest Credit, instituição com a qual o global possui dívida de R$ 1,3 milhão.

No mês passado, Galvão efetuou um depósito de R$ 600 mil, no entanto, ainda faltavam outras duas prestações de pouco mais de R$ 120 mil, que não foram quitadas no prazo acordado.

“Em razão da petição que noticiou o descumprimento do acordo, determinei a expedição de ordem de indisponibilidade de ativos financeiros”, escreveu o magistrado em despacho.

A defesa do artista já ingressou com recurso para pedir a suspensão da decisão. Os advogados alegam que os valores são impenhoráveis, uma vez que parte deles são oriundos de caráter salarial. Galvão também alegou que as quantias “são necessárias para o sustento da família”.

Nas contas bancárias do narrador, a Justiça encontrou apenas R$ 1.401,17. Nas de Desirée, houve o bloqueio de cerca de R$ 90 mil.

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Judiciário

Entendimento foi seguido por unanimidade pela 3ª Câmara de Direito Privado do TJSP.

Judiciário

Decisão prevê que gestão de pessoas será feita pelo presidente Jair Bolsonaro ou por pessoa indicada.

Judiciário

Novas diretrizes para realização das provas foram divulgadas em ato normativo do CNJ.

Judiciário

Cidade da Baixada Fluminense foi a primeira a retirar obrigatoriedade do item.