Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Política

Governadores de 14 estados divulgam nota em ‘solidariedade’ ao STF

Manifesto vem à tona após o presidente da República anunciar processo contra integrantes da Corte.

Divulgação | Governo de SP | Flickr

Após o presidente Jair Bolsonaro anunciar que ingressará com processo contra dois ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), um grupo formado por 14 governadores, a maioria deles do espectro esquerdista, divulgou nesta segunda-feira (16) uma nota de solidariedade “em face de constantes ameaças e agressões”.

“O Estado Democrático de Direito só existe com Judiciário independente, livre para decidir de acordo com a Constituição e com as leis”, escreveram os líderes estaduais.

Confira a lista de governadores que assinaram o documento:

Rui Costa (PT-BA);

Flávio Dino (PSB-MA);

Paulo Câmara (PSB-PE);

João Doria (PSDB-SP);

Eduardo Leite (PSDB-RS);

Camilo Santana (PT-CE);

João Azevêdo (Cidadania-PB);

Renato Casagrande (PSB-ES);

Wellington Dias (PT-PI);

Fátima Bezerra (PT-RN);

Renan Filho (MDB-AL);

Belivaldo Chagas (PSD-SE);

Ibaneis Rocha (MDB-DF);

Waldez Goés (PDT-AP).

No texto, os mandatários sustentam que, “no âmbito dos nossos Estados”, farão “tudo para ajudar a preservar a dignidade e a integridade do Poder Judiciário”.

Para ter acesso à íntegra do documento, clique AQUI.

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Judiciário

Em outubro de 2020, criminoso saiu da prisão após liminar concedida pelo então ministro Marco Aurélio.

Judiciário

Bruno Bianco enviou parecer em ação ajuizada pelo PDT.

Judiciário

Deputado está preso por críticas e ameaças contra ministros do Supremo.

Governo

Chefe da CCJ do Senado Federal é contra a escolha do ex-AGU para o Supremo.